Atenção para o golpe do PIX na CAIXA! Números de telefones das agências podem ter sido clonados

463

Prezados associados da APACEF,

Corre uma informação nas redes sociais de que bandidos teriam clonado (feito uma replicação fiel de uma linha legítima) os números dos telefones de várias agências da CAIXA em vários estados e estariam se passando por gerentes e funcionários do banco a fim de pedir a confirmação dos dados ou de transações via Pix dos clientes. CUIDADO!

Mesmo que não possamos confirmar a história, o FATO é que esses golpes vivem acontecendo. E não só utilizando o nome da CAIXA, mas de vários outros bancos. Então, vale apena ficar atento às seguintes dicas que foram extraídas do site da Serasa.

1 – Use apenas o aplicativo e site do próprio banco
A chave Pix só pode ser acessada na própria conta bancária. Então, sempre utilize esse meio de pagamento no aplicativo ou no site oficial do banco.

Desconfie sempre de mensagens recebidas com links para acessar sites e baixar aplicativos de bancos.

2 – Nunca informe a senha da conta ou cartão de crédito
Alguns criminosos pedem, além da chave Pix, a senha da conta bancária ou do cartão de crédito do consumidor para supostamente fazer uma transferência.

Mas lembre-se: chave Pix é diferente de senha. Ao fazer um pagamento com Pix o único dado que é preciso informar é a chave – nenhum outro dado pessoal é solicitado.

3 – Não utilize internet pública para o pagamento via Pix
As redes de wi-fi públicas podem ser porta de entrada para criminosos que miram o vazamento de dados pessoais e bancários. Essa entrada é facilitada pela falta de segurança dessas redes públicas, que podem ser infestadas de vírus.

Por isso, sempre que for utilizar o aplicativo ou site do banco para fazer a transferência via Pix, utilize a sua própria rede de internet. De preferência, instale antivírus nos computadores e dispositivos móveis.

4 – Confira se o dinheiro do Pix caiu na conta na mesma hora
Ao receber um pagamento via Pix, esteja com o aplicativo de banco acessível para conferir o extrato na hora da transação ou aguarde a compensação para confirmar.

5 – Atenção aos QR Codes
Uma das formas de realizar o pagamento por Pix é enviando ou recebendo QR Codes, o que elimina a necessidade de inserir uma chave Pix.

Por isso, sempre confira os dados da conta de destino que constam logo abaixo do QR Code. Isso evita muitos golpes do Pix, que são enviados por esse tipo de código.

 

 

Fonte: (https://www.serasa.com.br/premium/blog/golpe-do-pix-conheca-os-tipos/)

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here