Presidente da APACEF será uma das representantes da FENACEF na força-tarefa para aprovação do PL nº 8821/2017 na CCJC

373

 

Imagem – Zeca Ribeiro -Câmara dos Deputados

O PL nº 8821/2017, que coloca a contribuição do pagamento do equacionamento fora do limite dedutível do Imposto de Renda de 12%, será apreciado pela CCJC nesta quarta-feira (23). Caso não haja manifestação de algum deputado para que o assunto seja levado ao Plenário, o PL será encaminhado diretamente ao Senado.

 

Para compor a força-tarefa da Fenacef, o presidente da Federação, Edgard Antônio Bastos Lima escalou um time com boa experiência nesse tipo de ação: a vice-presidente e o diretor de Comunicação da FENACEF, Maria Lúcia Dejavite e Valfrido de Oliveira, respectivamente, a presidente da APACEF/RJ, Vera Lúcia Faria de Moraes e o presidente da AEA/MT, Celson Jorge de Campos.

A PARTICIPAÇÃO DO ASSOCIADO APACEF É MUITO IMPORTANTE
Um pedido da APACEF para nossos associados é que enviem e-mails para os deputados federais cariocas cobrando o apoio deles na aprovação do PL nº 8821/2017. Precisamos nos juntar e manifestar o nosso desejo aos nossos deputados.

Envie a manifestação da FENACEF aos deputados federais constantes na relação abaixo.
CCJC T Tarcísio Motta PSOL RJ
CCJC S Chico Alencar PSOL RJ
CCJC T Carlos Jordy PL RJ
CCJC T Dani Cunha UNIÃO RJ
CCJC T Delegado Ramagem PL RJ
CCJC T Marcelo Crivella REPUBLIC RJ
CCJC T Marcos Tavares PDT RJ
CCJC S Aureo Ribeiro SOLIDARI RJ
CCJC S Chris Tonietto PL RJ
CCJC S Laura Carneiro PSD RJ
CCJC S Lindbergh Farias PT RJ

LEIA A MANIFESTAÇÃO DA FENACEF SOBRE O PL 8821/2017

4 COMENTÁRIOS

  1. Bom dia!!
    É inaceitável o que eles querem fazer com a gente, Aposentados e pensionistas .
    Já não basta os descontos que eles fazendo do nosso salário

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here